SAIBA COMO FUNCIONA O

4° Simulado Nacional - Área Fiscal

quinta-feira, 2 de julho de 2015

INSS já estuda a distribuição das vagas autorizadas

Concurso INSS: Saiu autorização para níveis médio e superior! Oferta de 950 vagas!O concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já está sendo preparado. A informação é de uma fonte ligada ao Setor de Recursos Humanos da autarquia, ora definindo a distribuição das 950 vagas autorizadas. “O RH tem se reunido constantemente para definir a distribuição das vagas pelo país, já que foi autorizado um número menor do que o solicitado”, disse. O primeiro passo do INSS, portanto, é otimizar as vagas autorizadas, conforme havia dito o presidente da Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social (Anasps), Alexandre Lisboa. É que o estudo realizado pelo instituto era para preencher 4.730 vagas. Como foram autorizadas 950, a autarquia precisa reavaliar os estados que possuem mais necessidade.

Das 950 vagas liberadas pelo Ministério do Planejamento, 800 são de técnico do seguro social, de nível médio e com remuneração de R$4.620,91, e 150 de analista do seguro social, para graduados em Serviço Social e com rendimento de R$7.504,45. Em ambos os valores está incluído o auxílio-alimentação, de R$373. O INSS contrata pelo regime estatutário, com estabilidade. Após definir a distribuição das vagas, o instituto escolherá a organizadora. Espera-se que os preparativos ocorram de forma célere, tendo em vista a grande necessidade de pessoal da autarquia. Segundo o Tribunal de Contas da União (TCU), há carência de mais de 5 mil servidores, e mais de 10 mil podem aposentar-se.

Por isso, o ministro da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, garantiu à deputada Simone Morgado (PMDB-PA) que, após o aval, publicaria o edital imediatamente. A estrutura do concurso deverá ser a mesma das seleções anteriores, que servem de base para o estudo (veja dicas em matéria nesta página). No caso da função de 2º grau, o último concurso, sob organização da Fundação Carlos Chagas (FCC), ocorreu em 2011, quando os candidatos foram avaliados por meio de 60 questões objetivas. O exame versou sobre Conhecimentos Gerais (20 questões de Ética no Serviço Público, Regime Jurídico Único, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Noções de Informática) e 40 sobre Conhecimentos Específicos.


No caso do analista, o último concurso ocorreu em 2013, sob organização da FunRio. Na ocasião, houve só prova objetiva, com 70 questões, cuja distribuição variava de acordo com a especialidade. A avaliação versou sobre Português, Ética no Serviço Público, Noções de Informática, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Previdenciário e Conhecimentos Específicos. O INSS deverá fazer um bom número de nomeações extras, tendo em vista as necessidades de pessoal e as últimas seleções. É tradição do instituto convocar mais aprovados do que o número de vagas especificado em edital, o que se torna possível quando o Planejamento autoriza o adicional, que deverá ser solicitado.

Em 2011, quando foram oferecidas 1.500 vagas de técnico e 375 de perito médico, foram feitas 5.020 convocações, de 6.881 aprovados, ou seja, 133% além da oferta prevista em edital. Desse total, cerca de 90% das contratações (em torno de 4.500) ocorreram para o cargo de técnico. Já em 2008, quando foram oferecidas 1.500 vagas somente para técnico, 2.100 aprovados foram empossados

0 comentários:

Postar um comentário