SAIBA COMO FUNCIONA O

4° Simulado Nacional - Área Fiscal

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

MP/RJ - Concurso já tem o cronograma preliminar

Ministério Público do Estado do Rio busca reforçar seus quadros
Ao que tudo indica, os interessados em participar do concurso do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) ficarão cientes das normas ainda este ano. De acordo com uma fonte ligada ao órgão, o MP-RJ já tem um esboço do cronograma do concurso para área de apoio, abrangendo as carreiras de técnico (nível médio) e analista (superior). Segundo essa fonte, o edital deverá ser publicado no dia 21 de dezembro, um dia após o término do prazo de validade do concurso em vigência.

O provável calendário prevê ainda as inscrições durante o mês de janeiro e que as provas escritas sejam aplicadas em março, em fins de semana diferentes para os candidatos a técnico e a analista. Com esse esboço de cronograma, os interessados já podem planejar melhor os estudos, de forma a conquistar uma boa classificação na seleção. O ministério ainda não informou como avaliará os concorrentes, mas é provável que siga o modelo do concurso passado, realizado em 2011. Na ocasião, foram cobrados conhecimentos de Língua Portuguesa, Organização do Ministério Público, Noções de Informática, Direito Constitucional, Civil, Penal, Processual Penal e Administrativo, variando de acordo com a função pretendida.

Especula-se que o processo de escolha da instituição responsável por receber as inscrições e aplicar as provas já esteja em curso. A previsão inicial é de que a seleção seja para o preenchimento de 205 vagas nos cargos de técnico administrativo, técnico de notificações e atos intimatório, analista processual e analista em tecnologia da Informação, segundo informou o procurador-geral de Justiça, Marfan Vieira. Para isso, já foi enviado um projeto de lei à Assembleia Legislativa (Alerj) para a criação destas 205 vagas (125 de técnico e 80 de analista). O texto passará pelas comissões de Constituição e Justiça, de Orçamento, Finanças, Fiscalização Financeira e Controle e dos Servidores Públicos antes de ser levado ao plenário.
 
O projeto não deverá enfrentar dificuldades para ser aprovado. Vários parlamentares já se mostraram favoráveis à abertura do concurso do MP-RJ, como por exemplo Comte Bittencourt (PPS), Marcelo Freixo (Psol) e Chiquinho da Mangueira (PMN), vice-presidente da primeira comissão por onde o texto passará. Apesar de o procurador-geral de Justiça tenha enviado o projeto de lei para criação das vagas, ele não descartou a possibilidade de abrir o concurso para formação de cadastro de reserva. Dessa forma, as 205 vagas seriam preenchidas durante o prazo de validade da seleção, que deverá ser de dois anos, podendo dobrar. Independentemente da oferta de vagas em edital, os futuros candidatos devem ter em mente que o MP-RJ tem grande carência de pessoal, como destacado pelo procurador Marfan Vieira, além de ter a tradição de chamar um número de habilitados bastante superior ao quantitativo estabelecido nos editais.

O concurso de 2006, para 281 vagas, teve 1.048 convocações ao longo dos quatros anos de validade. Já o atual, em vigência até 20 de dezembro deste ano, teve 1.016 convocados a tomar posse, após a última chamada publicada no Diário Oficial do Estado na última sexta-feira, dia 2, embora a seleção objetivasse preencher 155 cargos vagos. Além da estabilidade, outro grande atrativo do concurso é a remuneração. Os rendimentos iniciais são de R$4.999,13, para técnico, e de R$7.624,20, para analista. Os valores já incluem o auxílio-alimentação de R$825.


Fonte: Folha Dirigida

0 comentários:

Postar um comentário