SAIBA COMO FUNCIONA O

4° Simulado Nacional - Área Fiscal

terça-feira, 3 de novembro de 2015

PGE/RJ - FCC deve ser confirmada como organizadora. Edital deve sair no próximo mês

Após definir a Fundação Carlos Chagas (FCC) como organizadora, segundo informações de fontes, a assinatura do contrato é o próximo passo da Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro (PGE-RJ) rumo à publicação do edital do concurso para a área de apoio. Procurada, a Diretoria de Gestão do órgão, responsável pela seleção, segue sem negar ou confirmar a escolha, limitando-se a informar que ainda não pode "confirmar a banca". Ainda de acordo com o departamento, "o processo (de escolha da organizadora) encontra-se na assessoria (jurídica) para manifestação, de modo que, somente após o retorno poderão ser prestadas maiores informações". O edital da PGE-RJ, segundo fontes, tem previsão de publicação em dezembro. 
O que reforça isso é o fato de vários detalhes do concurso estarem definidos. Ele visará à formação de cadastro de reserva, nos cargos de técnico processual (nível médio), técnico contábil e de sistemas de métodos (médio/técnico), todos com remuneração de R$4.542,42 (podendo chegar a R$5.676 com titulação), e analista (superior), com rendimento de R$6.382 (podendo chegar a R$7.516). A seleção terá validade de dois anos, prorrogável por igual período, e as áreas dos analistas serão Administração, Contabilidade, Análise de Sistemas, Biblioteconomia, Medicina, Comunicação Social, Direito e Engenharia/Arquitetura. No projeto básico da seleção, ao qual FOLHA DIRIGIDA teve acesso, há ainda a estrutura do concurso. Segundo o documento, os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva e, no caso das funções de nível superior, contagem de títulos.

Serão propostas 60 questões objetivas de Português, Noções de Informática e Noções de Direito (Direito Administrativo, Direito Constitucional e Direito Processual) para os cargos de 2º grau. No caso dos graduados, haverá 70 questões objetivas de Português e Conhecimentos Específicos. A PGE-RJ tem o desejo de aplicar as provas objetivas dos candidatos a analista pela manhã, e as de técnico, à tarde. Isso, porém, ainda precisa ser confirmado com a FCC. 
Os classificados, também segundo consta no projeto básico, serão lotados no Rio de Janeiro e nas procuradorias regionais, em Niterói, Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Barra do Piraí, Volta Redonda, Angra dos Reis, Petrópolis, Nova Friburgo, Macaé, Campos dos Goytacazes, Itaperuna e Cabo Frio). O regime de contratação é o estatutário, que garante a estabilidade empregatícia.
A expectativa é que a PGE-RJ utilize bastante o cadastro de reserva e realize um bom número de contratações. Isso porque o órgão realizou muitas exonerações nos últimos meses, principalmente referentes a terceirizados ou comissionados. O último concurso da PGE-RJ foi realizado em 2009, quando a FCC também recebeu inscrições e aplicou provas. A sua escolha novamente, portanto, ajuda aos interessados.

Com informações da Folha Dirigida

0 comentários:

Postar um comentário