SAIBA COMO FUNCIONA O

4° Simulado Nacional - Área Fiscal

segunda-feira, 18 de abril de 2016

INSS - Confirmado novo pedido de 7.351 vagas ao Planejamento

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) solicitou ao Ministério do Planejamento 7.351 vagas para a abertura de um novo concurso, informou na última sexta-feira, dia 15, o ministro do Trabalho e da Previdência Social, Miguel Rossetto. O pedido, que está na Coordenação-Geral de Carreiras, Concursos e Desenvolvimento de Pessoas, é para 5.821 vagas de técnico e analista, de níveis médio e superior, respectivamente, além de 1.530 para perito médico, destinado a graduados em Medicina.
"O decreto e o concurso vão fortalecer nossa capacidade de acolhimento e atendimento às pessoas num momento de dificuldade quando estão afastadas do trabalho por questões de saúde ou por acidente", disse o ministro, revelando que no processo pede a realização da seleção de perito médico para ainda este ano, apesar das crises política e econômica que o país enfrenta.
O técnico tem remuneração de R$5.344,87 e o analista de R$7.954,09, tendo somado em ambos os valores o auxílio-alimentação de R$458. O perito médico, por sua vez, tem ganhos de R$10.616,14, somando vencimento de R$5.256,54, gratificação de desempenho de atividade de perícia médica previdenciária de R$4.901,60 e auxílio-alimentação. 



Segundo o dirigente, uma nota técnica, com as necessidades de pessoal do INSS, seria elaborada para ser entregue ao Ministério do Trabalho e da Previdência. Este enviaria o pedido de concurso ao Ministério do Planejamento, o que aconteceu rapidamente. Embora o país viva uma crise econômica e até mesmo política, os concursos seguem sendo autorizados, a exemplo das seleções da Anvisa e do Inca, cujos avais foram dados na nesta segunda-feira, dia 18.


O INSS costuma ter os seus pedidos autorizados pelo Planejamento, mesmo que em um número menor de vagas, e a expectativa é que isso aconteça novamente. Em relação às vagas de técnico e analista, cargos contemplados na seleção aberta, acredita-se que elas serão voltadas a localidades não contempladas no atual edital. Como o atual concurso é destinado, principalmente, a cidades do interior, este novo poderá ter chances para as capitais. Isso ainda não foi confirmado.


Hoje, o instituto tem carência de cerca de 3 mil servidores nas agências de atendimento. Além disso, há uma média de 11 mil, de um total de 33 mil, em abono de permanência, ou seja, com direito a aposentadoria. Atualmente, o INSS tem cerca de 4 mil peritos, sendo necessários 6 mil. A carência, portanto, é de cerca de 2 mil. O último concurso para perito médico do INSS aconteceu em 2011 para 375 vagas e sob organização da Fundação Carlos Chagas (FCC).


0 comentários:

Postar um comentário