SAIBA COMO FUNCIONA O

4° Simulado Nacional - Área Fiscal

terça-feira, 28 de junho de 2016

TRT/SC sempre convoca além das vagas para nível médio e superior! Inicial de até 10 mil!

Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região  já retomou os trabalhos para seu novo concurso público com oferta de vagas de nível médio e superior. Tudo indica que o edital deverá sair até o fim do segundo semestre e a oferta contemple as carreiras de técnico e analista – mais detalhes abaixo.
Para isso, já foi instituída a comissão encarregada de analisar os trabalhos internamente, como escolha da organizadora, oferta de vagas e outros atos para a divulgação do edital do concurso TRT-SC 2016 para nível médio e superior. O nome dos membros foi publicado no Diário de Justiça Eletrônico do tribunal, animando o ânimo dos interessados no judiciário trabalhista do sul do país.
Uma boa notícia para quem já intensifica os estudos neste momento inicial é que o órgão sempre convoca muitos candidatos aprovados para tomarem posse. Na última seleção, realizada em 2013 e organizada pela FCC, houve mais de 420 nomeações, sendo a maioria para o cargo de Técnico Judiciário –  Área: Administrativa (165), seguido dos postos de Analista Judiciária – Áreas: Judiciária (129), Administrativa (28) e Oficial de Justiça Avaliador Federal (33) (veja aqui ). No de 2010 também não foi diferente, foram mais de 300 nomeações para as diversas áreas, sempre destacando-se a carreira de Técnico Judiciário –  Área: Administrativa – veja a tabela de tradição de nomeação abaixo.



Último concurso
Realizado em 2013 e válido por um ano, o certame registrou 49.792 inscritos. Para o nível médio houve chances no cargo de técnico judiciário nas áreas administrativa e de apoio especializado em Tecnologia da Informação, com remuneração inicial de R$ 4.635,03. Aos graduados foram oferecidas 53 vagas, sendo 36 para os bacharéis em Direito, para analista judiciário, na área judiciária com especialidade oficial de justiça avaliador federal, com remuneração inicial de R$ 7.566,22, e analista judiciário, na área judiciária, com ganhos de R$ 9.228,70. Também há vagas no nível superior para a área administrativa, para graduados em qualquer área, e administrativa com especialidade em Contabilidade, além das áreas de apoio especializado para formados em Tecnologia da Informação (ou outro curso com pós-graduação na área), Estatística, Psicologia e Engenharia Civil, cuja remuneração é de R$ 7.566,42, para todos.

A avaliação teve 60 questões que abordaram Conhecimentos Gerais de Língua Portuguesa e Conhecimentos Específicos, para todos os cargos, e Matemática e Raciocínio Lógico, apenas para o cargo de técnico judiciário. Para o cargo de técnico foram aprovados os que alcançaarm 150 pontos ou mais. Já para o de analista, os que obtiverem 200 pontos ou mais. A seleção oferece 75 oportunidades, sendo quatro para pessoas com deficiência, para os cargos de técnico e analista judiciários.
Com informações de Gran Cursos

0 comentários:

Postar um comentário