SAIBA COMO FUNCIONA O

4° Simulado Nacional - Área Fiscal

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Artesp - Saiu edital! Inicial de até R$ 12 mil.

Edital Artesp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte de São Paulo) foi publicado e oferece nada menos que 161 vagas para carreiras de nível médio e superior. A organizadora é a Fundação Carlos Chagas.
Os vencimentos iniciais da seleção chegam a R$ 10 mil. A previsão é que todas as vagas sejam preenchidas até o fim de 2017. O despacho que autorizou o certame prevê o provimento nos anos de 2017 e 2018. Com isso, as contratações dos aprovados será imediata.
Após homologado o resultado final, o concurso público Artesp terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período, possibilitando a contratação de mais aprovados.
As inscrições estarão abertas das 10h do dia 10 de janeiro até as 14h do dia 15 de março de 2017. A taxa é de R$ 75 para os cargos de nível médio e médio/técnico e de R$ 100 para o superior. Ela deve ser paga por meio de boleto bancário até a data limite das inscrições. 

Cargos do edital Artesp e salários

Nível médio

  1. Agente de Fiscalização à Regulação de Transporte – Técnico em Contabilidade/Administração: curso técnico na área;
  2. Tecnologia da Informação: curso técnico na área;
  3. Agente de Fiscalização à Regulação de Transporte: nível médio completo
Remuneração: R$ 2.777,00

Nível superior

Analista de Suporte à Regulação de Transporte: nível Superior, em qualquer área.
Remuneração: R$ 7.300,00
Especialista em Regulação de Transporte I – Especialidades:
  1. Administração de Empresas;
  2. Ciências Contábeis;
  3. Direito;
  4. Economia
  5. Engenharia Civil;
  6. Engenharia Civil – Meio Ambiente;
  7. Gestão Pública e
  8. Tecnologia da Informação.
Remuneração: R$ 8.500,00
Especialista em Regulação de Transporte III – Especialidades:
  1. Direito;
  2. Engenharia Civil;
  3. Engenharia Civil – Rodovias/Transporte;
  4. Engenharia Civil/Estruturas;
  5. Engenharia Civil – Geotecnia
  6. Engenharia Civil – Meio Ambiente;
  7. Engenharia Civil – Pavimentação; e
  8. Engenharia Elétrica-Eletrônica.
Remuneração: R$ 10.285,00
Jornada de trabalho: 40 horas semanais, que poderão ser cumpridas em escalas de trabalho, incluindo sábados, domingos e feriados, inclusive, em períodos noturnos, conforme a necessidade do serviço.
Todos os servidores ainda contam com vale refeição de R$ 27 por dia, totalizando R$ 594 em uma média de 22 dias por mês.

Matérias do concurso Artesp e critérios p/ aprovação

Agente de Fiscalização à Regulação de Transporte: 30 questões de Língua Portuguesa, Matemática e Raciocínio Lógico  e Noções de Informática. Haverá ainda 40 questões de conhecimentos específicos.
Analista de Suporte à Regulação de Transporte: 40 questões de Língua Portuguesa, Noções de Informática, Administração Pública e Legislação, além de 40 questões de conhecimentos específicos, uma redação e avaliação de títulos.
Especialista em Regulação de Transporte I: para a maioria dos cargos a objetiva terá 30 questões de Língua Portuguesa, Noções de Informática, Administração Pública e Legislação, além de 50 questões de conhecimentos específicos, uma redação e avaliação de títulos.
Especialista em Regulação de Transporte III: para a maioria dos cargos a objetiva terá 30 questões de Língua Portuguesa, Noções de Informática, Administração Pública e Legislação, além de 50 questões de conhecimentos específicos, uma redação e avaliação de títulos.
Para todos os cargos, a parte de conhecimentos básicos terá peso 1, enquanto as de conhecimentos específicos variará de acordo com o cargo entre 2 e 3.

Critérios p/ aprovação

Nível médio: considerando-se habilitado o candidato que tiver obtido, na somatória das Provas Objetivas de Conhecimentos Gerais e de Conhecimentos Específicos, total de pontos igual ou superior a 150 (cento e cinquenta).
Nível superior: considerando-se habilitado o candidato que tiver obtido, na somatória das Provas Objetivas de Conhecimentos Gerais e de Conhecimentos Específicos, total de pontos igual ou superior a 200 (duzentos).

O concurso Artesp

A realização só foi possível após a aprovação da Lei complementar 1.267 – acesse aqui -, que define o plano de carreiras e classes, de empregos públicos e sistema retributivo para os empregados da Artesp, sancionada em julho pelo governador Geraldo Alckmin.
“O plano de carreira é muito importante porque a gente começa a criar toda uma adequação e uma estruturação interna. Isso para que a agência possa exercer o trabalho dela e principalmente poder criar todo um mecanismo de valorização das pessoas nos recursos humanos”, afirmou o diretor geral da Artesp.
Atualmente a autarquia funciona com servidores emprestados de outras secretarias, que serão substituídos gradativamente com o ingresso dos novos concursados.
Fonte: Gran Cursos

0 comentários:

Postar um comentário