SAIBA COMO FUNCIONA O

4° Simulado Nacional - Área Fiscal

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

PM-SP: Edital publicado! Inicial de R$ 3 mil.

Polícia Militar do Estado de São Paulo (Concurso PM SP  2017) divulgou no Diário Oficial desta sexta-feira, dia 29 de setembro, o edital PM SP para abertura de concurso público com oferta de  2.200 cargos de Soldado PM de 2ª Classe do Quadro de Praças de Polícia Militar (QPPM), destinados a candidatos do sexo masculino e feminino, com consequente ingresso no Curso Superior de Técnico de Polícia Ostensiva e Preservação da Ordem Pública (Curso de Formação de Soldados – CFSd).

O prazo abre às 10h da próxima quarta-feira, dia 4 de outubro, e segue até às 23h59 de 06 de novembro de 2017, pelo site da Fundação Vunesp, organizadora. O valor da inscrição será de R$ 50,00 (cinquenta reais) e poderá ser pago em qualquer agência bancária, utilizando somente o boleto bancário gerado no ato da inscrição, até o 1º dia útil subsequente ao término do período das inscrições.
Para inscrever-se, o candidato deverá, no período das inscrições:  ler total e atentamente o respectivo Edital e preencher corretamente a ficha de inscrição, optando para realizar os Exames de Conhecimentos (Partes I e II) em um dos seguintes Municípios: Araçatuba;. Bauru;  Campinas; Piracicaba; Presidente Prudente; Ribeirão Preto; Santos; São José do Rio Preto; São José dos Campos; São Paulo; Sorocaba.

Requisitos concurso PM SP 2017

A seleção já vai seguir as novas regras para ingresso na categoria, estipuladas pela lei complementar 1.291, sancionada pelo governador em 22 de julho. Agora, para concorrer ao cargo, além de ensino médio, os interessados devem possuir idade mínima de 17 anos, altura mínima de 1,60m para homens e 1,55 m para mulheres e até 30 anos, além de carteira de habilitação nas categorias “B” a “E”.
Até o último concurso, realizado no primeiro semestre de 2015, antes da reestruturação da carreira, a idade mínima era de 18 anos, com máximo de 30, além de cobrar altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres. 
A lei 1.291 também define as condições necessárias para participar em relação a candidatos que possuem tatuagens. De acordo com a nova regulamentação, os servidores não devem possuir tatuagens que se enquadrem nas seguintes condições:
  1. ►divulgue símbolo ou inscrição ofendendo valores e deveres éticos inerentes aos integrantes da PM ou faça alusão a ideologia terrorista ou extremista contrária às instituições democráticas, discriminação ou preconceito de raça, credo, sexo ou origem, contenha ideia ou ato libidinoso ou ofensivo aos direitos humanos.  

Soldo concurso PM SP Soldado

A remuneração básica inicial para o cargo de Soldado PM de 2ª Classe é de R$ 2.992,54, sendo que as parcelas que a compõem são: padrão no valor de R$ 1.178,88, Regime Especial de Trabalho Policial (RETP), no valor de R$ 1.178,88, e insalubridade, no valor de R$ 634,78.

Atribuições do concurso PM SP 

As atribuições do cargo de Soldado PM de 2ª Classe são: o policiamento ostensivo e a preservação da ordem pública, envolvendo a repressão imediata às infrações penais e administrativas e a aplicação da lei, nas diversas modalidades de policiamento, sempre primando pela defesa da vida, da integridade física e da dignidade da pessoa humana, em conformidade com os princípios doutrinários de polícia comunitária, de direitos humanos e de gestão pela qualidade, por intermédio da conclusão com aproveitamento do Curso Superior de Técnico de Polícia Ostensiva e Preservação da Ordem Pública, destinado a formar, com solidez teórica e prática, o profissional ocupante do cargo
inicial do Quadro de Praças da Polícia Militar.

Etapas do concurso PM SP 2017

A seleção contará com prova objetiva, prevista para ser aplicada em 03 de dezembro de 2017, no período da tardeO concurso ainda conta com outras etapas: prova dissertativa, exame de aptidão física, exame de saúde, exame psicológico, avaliação de conduta social e análise de documentos. O exame objetivo contará com 50 (cinquenta) questões de múltipla escolha com cinco alternativas, sendo 18 de Língua Portuguesa, 12 de Matemática, 10 de Conhecimentos Gerais, 5 de Informática e 5 de Administração Pública.
A Prova Dissertativa (Parte II) será composta de uma redação, na qual se espera que o candidato produza uma dissertação em prosa na norma-padrão da língua portuguesa, a partir da leitura de textos auxiliares, que servem como um referencial para ampliar os argumentos produzidos pelo próprio candidato. Ele deverá demonstrar domínio dos mecanismos de coesão e coerência textual, considerando a importância de apresentar um texto bem articulado.
A Prova Objetiva (Parte I) e Prova Dissertativa (Parte II) serão aplicadas simultaneamente, e terão duração de 4 (quatro) horas.

O concurso público terá validade de 90 (noventa) dias, a contar da data de sua homologação e poderá, a critério da Administração, ser prorrogado por igual período.

0 comentários:

Postar um comentário