SAIBA COMO FUNCIONA O

Coaching Concurseiros e Você

Analytics

sexta-feira, 9 de março de 2018

TRT-2 (São Paulo Capital) autorizado para níveis médio e superior!


O Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo (Concurso TRT SP), que abrange a 2ª Região, recebeu autorização do Colendo do Órgão Especial contratação com urgência da Fundação Carlos Chagas (FCC) para organização do concurso público para as carreiras de técnico e analista judiciário. 



De acordo com o despacho administrativo, ficou constituída a comissão, definindo os membro da comissão do concurso TRT SP. que deve ter edital publicado já nas próximas semanas.


No mês passado, o TRT SP garantiu preencher 35 cargos vagos de servidores no primeiro semestre de 2018, sendo 18 analistas judiciários e 17 técnicos judiciários. Já no segundo semestre, serão 25 analistas e 23 técnicos, totalizando 48 cargos. A informação foi enviada via ofício pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT).
Segundo o TRT SP, todos esforços serão feitos no sentidos de realizar o melhor aproveitamento possível dos servidores já aprovados no concurso vigente, que terá a validade expirada no mês de junho. Também far-se-á o possível para que as primeiras nomeações sejam efetuadas ainda no mês de fevereiro.
O TRT SP autorizou, em Sessão Administrativa do Órgão Especial da última segunda-feira, dia 13 de novembro, a realização de um novo concurso público  para servidores. O próximo passo será a formação da comissão encarregada pela organização e contratação da organizadora. Haverá chances para técnicos e analistas. A decisão foi ratificada em publicação no Diário Eletrônico da Justiça do Trabalho (Dejt) desta terça-feira, dia 14 (veja abaixo a autorização).

A oferta inicial de vagas ainda será anunciada. A autorização foi unânime, com base nos autos do processo 0000392-65.2017.5.02.0000. O presidente informou que embora haja um concurso em validade, há a necessidade do início dos trâmites de um novo certame, pois o processo é demorado.
Alguns desembargadores discordaram da abertura de vagas para as carreiras de oficial de justiça avaliador federal e técnico – área: segurança. Segundo argumentam, devido ao avanço da tecnologia, o número de cargos hoje é o suficiente e supre as necessidades do órgão. Já no caso da função de segurança, o posicionamento é pelo estudo prévio, pois há um excesso de servidores dessa área na estrutura do tribunal, podendo até mesmo transformá-lo por outra especialidade com maior demanda.
                                          
O órgão publicou no Diário Oficial da União do dia 10 de outubro, a contratação da empresa EBCT-  Capacitação e Treinamento Eireli ME, para prestação do curso “Concurso Público e Elaboração de Editais” com carga horária de 20 horas, divididas em 3 dias, ou seja, já capacita os servidores para a seleção que deverá ser autorizada na data mencionada para níveis médio e superior.

 

Pode ser referente a iminente autorização do colegiado especial para realização de um novo certame para as carreiras de técnico e analista judiciário, e aguarda maiores detalhes.


A expectativa é de lançar edital ainda este semestre, com provas no início do segundo semestre. Atualmente o órgão não conta com certame em validade, e há mais de 260 cargos. A informação é do portal da transparência, e do total, 104 são de analista, 120 de técnico e 40 de auxiliar, que são os atuais técnicos.

Fonte: Grancursos 

0 comentários:

Postar um comentário